YouTube Preview Image

 

Na segunda-feira, 11 de dezembro de 2017, realizou-se um evento antifascista no prédio da Casa do Trabalhador, na ilha de Salamina. O evento foi organizado pela “Organização de Antifascismo Combativo”. Enquanto o evento estava em curso, cerca de vinte neonazis, armados com barras de ferro e garrafas, tentaram atacar os antifascistas. A reação tanto da salvaguarda como dos que estavam na parte interna do prédio foi imediata. Repeliram os fascistas, fazendo com que eles fugissem para seus escritórios.

Os fascistas cruzaram o cordão da polícia localizado a pouca distância da Casa do Trabalhador, quase debaixo dos escritórios do Aurora Dourada. Os policiais com sua atitude respaldaram os neonazis. Não só permitindo que eles se aproximassem da Casa do Trabalhador em grupo, mas também foram testemunhas oculares do ataque, e ao deixar que passassem por suas fileiras para se refugiar dentro de seus escritórios.

Uma vez finalizado o evento, os quase sessenta antifascistas presentes no encontro marcharam pelas ruas da capital da ilha, gritando slogans contra os neonazistas, os policiais e a inter-relação entre a polícia e as gangues fascistas.

O vídeo mostra os antifascistas saindo do prédio em que foi realizado o evento, repelindo os neonazis que fogem para seus escritórios.

O texto em castelhano.

Leave a Reply

*

Arquivo